trabalhos

constante elástica

(2019) Sons de Silício, MAC USP e Maria Antonia, São Paulo (BR)

arame, nylon, garrafas dágua, mola, caixa amplificada, piezo eletrico, feedback diy

constante elástica é uma instalação sonora interativa que propõe ao público-visitante uma relação entre o novelo de arame e o corpo. Fazendo uso de dispositivos que captam as vibrações do material metálico, essa interação é traduzida em som que ecoa em crescimento constante, produzindo uma massa de frequências. A mola e as garrafas dágua reforçam esse mover/som contínuo dado através de um equilíbrio de forças. 

sound/visual arts

  • Instagram
  • Vimeo - círculo cinza
  • SoundCloud - círculo cinza